Tuiles funcionais de batata doce


• 2 batatas-doces cozidas, sem casca
• 2 c.sopa de farinha de arroz integral
• 1 c.sopa de farinha de linhaça
• 1 c.chá de óleo de coco ou azeite ou ghee
• sal marinho ou sal rosa do Himalaia à gosto
• 1/2 xic semente de girassol, tostadas
• 1/2 xic de nozes, tostadas e trituradas
• 1 c.sopa de ervas finas desidratadas
• 1/2 xic de infusão de chá verde ou suco verde ou água (se necessário para consistência da massa)
• 1 c.chá de alho e cebola em flocos, opcional

Preparo

Aqueça o forno a 180 º C.

Amasse as batatas enquanto ainda quente e em uma vasilha adicione todos os ingredientes, exceto o chá verde, que será utilizado, se necessário, para obter uma massa maleável. Espalhe a massa sobre uma superfície polvilhada com um pouco de farinha de arroz (pode ser sobre papel antiaderente) e use um rolo de dentro para fora. Abra a massa em um retângulo não muito espesso (cerca de 0,5 mm). Corte quadrados com cortador de pizza, faca ou qualquer outro cortador de biscoitos. Use sua imaginação. Transfira a massa para uma assadeira levemente untada ou tapete de silicone, usando uma espátula.

Asse por 12-15 minutos ou até que fiquem dourados, mas tome cuidado, pois os tuiles podem queimar muito rápido. Transfira os tuiles assados ​​para uma grade e deixe esfriar. Mantenha em pote hermético.

Nota: Originário da França, “tuile” significa telha e relaciona-se com telhados franceses. Os tuiles originais são finos, crocantes e doces, mas há muitas versões diferentes, inclusive salgadas. Tuiles tradicionais são curvados como telhas francesas e para obter essa forma é preciso colocar o tuile sobre uma superfície curva, como uma garrafa de vinho ou um rolo de massas, enquanto ainda estiver muito quente e saindo do forno. (Eu realmente tentei, mas dava tanto trabalho, que decidi fazer esta forma mais simples da foto).